CAMPERO

Novidades - HB

Volume embarcado em milhões de toneladas

Postado em 13/01/2016 - Fonte: Zero Hora, 14 jan 2016 (por Gisele Loeblein)

A reabertura das portas da China e da Arábia Saudita é aposta da indústrias para voltar a alavancar as exportações da carne bovina do Brasil. Dados da Associação Brasileira de Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec ) apontam volume e receita menor em 2015 (abaixo).

– A China deverá dar grande impulso às exportações. Com mais frigoríficos habilitados a exportar, o gigante asiático deverá figurar nas primeiras posições no ranking de maiores destinos do produto. Mesmo com uma possível desaceleração da economia chinesa, os recursos de investimentos e infraestrutura seriam desviados para o consumo, ajudando, assim, a desenvolver o mercado – avalia Antônio Jorge Camardelli, presidente da Abiec.

E, 2016, a projeção somar US$ 7,5 bilhões em embarques.